Se a vida real fosse como no Call of Duty, os hospitais serviriam só pra tratar caganeira…