24 jul 2012




Só há uma explicação para esse comportamento: RÚSSIA.

Dica do leitor Bruno Paganotti.